Capa » Ingleses Famosos » Ciência » Alan Turing

Alan Turing

Alan Turing foi a pessoa que mais contribuiu para evolução da humanidade no século XX. Ele é o pai da informática e um herói de guerra, mas a sociedade falhou em reconhecer um verdadeiro gênio em tempo.

Alan Turing

A Infância de Alan Turing

Alan Mathison Turing foi uma típica criança do Império. Ele nasceu em 1912, filho de servidores da coroa Britânica na India. Ele foi criado por uma família adotiva e via seus pais apenas uma vez por ano. Alan e seu irmão foram educados em Shelborn, um colégio interno no sul da Inglaterra. Ele fazia apenas o necessário nos estudos e passava a maior parte do tempo sozinho, mas foi em Shelbourne que Alan conheceu a pessoa mais importante de sua vida.

Presença constante

Christopher Morgan e Alan Turing se tornaram melhores amigos assim que se conheceram, mas como pertenciam a casas diferentes em Shelbourne, só podiam se ver ocasionalmente. Morgan era inteligente e curioso e a amizade dos dois inspirou Turing a superar os seus limites. Em 1929, eles decidiram ir juntos para Universidade de Cambridge prestar o exame para uma bolsa de estudos. Os dois foram aprovados, mas Morgan nunca se juntou a Turing. Ele morreu de tuberculose em Fevereiro de 1930 com 18 anos.

Turing sofreu incrivelmente com a morte do seu amigo. Ele visitou a mãe de Morgan, de quem ganhou uma foto que carregou pelo resto da vida. Anos mais tarde, Turing confessou que sentia a presença de Morgan constantemente, e que ele lhe dava motivação. Turing queria mostrar ao mundo do que ele e Morgan eram capazes.

Computação

Em 1936, ainda estudante de Kings College em Cambridge, Turing publicou um estudo considerado o inicio da era digital. On computable numbers, with application to the Entscheidungs problem, foi um dos maiores trabalhos matemáticos do século XX, considerado tão importante para a historia quanto a maçã de Newton.

Antes de Turing, o termo “computador” se referia literalmente a alguém que fazia contas. Ele se inspirou nas computing rooms, onde varias pessoas realizavam pequenos cálculos manualmente. Turing propôs no documento o conceito da maquina universal, descrevendo um computador com processador e memória como conhecemos hoje.

Apesar de sua importância, a maquina de Turing seria um legado para o futuro. No presente, o ano era 1939 e a II Guerra Mundial estava começando.

Alan Turing na Guerra

Alan foi convocado para trabalhar na base mais secreta do governo Britânico. A Estação X, em Bletchley Park reunia os maiores gênios matemáticos da época, estudando os códigos usados nas mensagens Alemãs. As mensagens eram codificadas pela Enigma Machine, uma maquina capaz de produzir mais de 15000000000000 combinações diferentes.

Turing percebeu que seria necessário uma outra maquina para decifrar essas mensagens, e desenvolveu a The Bombe. O maior desafio Britânico era no Oceano Atlântico, onde navios de suprimentos eram atacados constantemente pelos eficientes barcos Alemães U boat. Mais de 200 The Bombe foram construídas, decifrando as mensagens da marinha Alemã e permitindo que o Dia D fosse possível.

Alan Turing e a Inteligência Artificial

A experiência na guerra foi exatamente o que Turing precisava para criar maquinas complexas. Em 1948, ele entrou para o departamento de matemática da Universidade de Manchester, que era como o vale do silício da época. As idéias de Turing foram compiladas no estudo Computing machinery and intelligence, onde ele introduz o conceito de Inteligência Artificial e a questão filosófica “Seriam maquinas capazes de pensar?”

Preconceito

Apesar do sucesso academico, a vida pessoal de Turing era complicada. Nessa época o homossexualismo, em publico ou entre 4 paredes, era proibido. Em 1951, 5 vezes mais condenações por homossexualismo ocorreram, comparado com o ano anterior a guerra, e foi nesse ano que um incidente mudou a vida de Alan.

Turing conheceu Arnold Murray no centro de Manchester. Ele tinha 19 anos e tinha acabado de chegar na cidade. Turing o convidou para jantar e os dois acabaram passando a noite juntos. Quando Alan acordou, percebeu que o relógio de seu pai, além de outros pertences, haviam sido roubados. Alan decidiu procurar a policia, mas a acusação acabou se voltando contra ele.

Os policiais estava mais interessados em capturar um professor pederasta do que um adolescente acusado de roubo. Em sua ingenuidade, Turing confessou o que aconteceu na noite com Murray. Ele simplesmente queria que a policia recuperasse seu relógio, mas ele acabou sendo acusado de indecência, com a mesma lei de 1885 que condenou Oscar Wilde.

O começo do fim

Em Março de 1952, Turing foi a julgamento. Ele recebeu 2 opções de pena: prisão ou a castração química. Alan optou por ser castrado e passou a receber uma droga chamada Stilboestrol, um estrogenio sintético que elimina a testosterona do corpo. Ele era examinado mensalmente para checar seus níveis de hormonio masculino. Com o tempo, Alan ficou impotente, seus testiculos encolheram e seios começaram a crescer. Essas caracteristicas físicas eram o estigma daqueles castrados quimicamente.

Era o auge da guerra fria e a paranóia era geralisada. Depois que os espiões Britânicos Donald Mclein e Guy Burgess, ambos gays, foram descobertos trabalhando como agentes duplos para a União Soviética, a policia fechou o cerco contra Turing, que era considerado caso de segurança nacional, por todas as informações confidenciais obtidas durante seu trabalho na Estação X, um trabalho que ele havia jurado a coroa manter em segredo. Durante esse periodo, Turing viajou algumas vezes para a Europa para fugir da perseguição, e a inteligência Britânica suspeitava que ele estava envolvido com Soviéticos.

O código da vida

Foi durante esse periodo que Turing começou a se interessar por biologia, e decidiu decifrar o codigo da vida. Ele publicou o estudo The chemical basis of morphogenesis, provando que elementos químicos se alinham naturalmente, criando as formas e cores que vemos em seres vivos. Turing havia descoberto o código que a natureza usa para criar vida e iniciou o campo da morfogenese.

Broken

Em 1953, Turing recebeu absorção do tratamendo hormonal, mas os efeitos da medicação nunca desapareceram. Além do corpo e da libido, sua mente e concentração também foram afetados. Alguma coisa dentro de Alan havia se quebrado. Ele foi encontrado morto no dia 7 de Junho de 1954. Ao seu lado, uma maçã envenenada com cianeto. Ele tinha 41 anos.

Em Setembro de 2009, o governo Britânico divulgou um pedido de desculpas póstumas para Alan Turing, que dizia: “We’re sorry, you deserved so much better”

Alan Turing realmente merecia algo muito melhor…

http://www.turing.org.uk/turing/

Check Also

Stephen Hawking

Stephen Hawking

Stephen Hawking é professor lucasiano de matemática na Universidade de Cambridge e autor de Uma ...

cs-lewis

C.S. Lewis

Conheça a vida e a obra de C.S. Lewis


Fatal error: Uncaught Exception: 12: REST API is deprecated for versions v2.1 and higher (12) thrown in /home/content/37/8844237/html/wp-content/plugins/seo-facebook-comments/facebook/base_facebook.php on line 1273