Capa » A Inglaterra » As 5 Armas Mais Poderosas do Exército Britânico

As 5 Armas Mais Poderosas do Exército Britânico

Spread the love

O tempo em que o Império Britânico cobria a maior parte do mundo pode ter passado, mas a indústria bélica Inglesa ainda produz alguns dos melhores armamentos do mundo. Conheça as 5 máquinas mais mortíferas Made in Britain.

    Taranis

    O que é: Um avião de combate não-tripulado

    BAE Taranis UAV

    Unmanned Aerial Vehicles – UAV eram fáceis de derrubar até agora por usarem turbinas – mas com o Taranis, a história é outra.

    Esse jato supersônico foi desenvolvido para invadir e bombardear territórios inimigos sem colocar pessoal em risco e sem ser detectado por nenhum radar.

    O sistema de Inteligência Artificial do Taranis permite que ele realize a maior parte de sua missão sem nenhum controle humano.

    Accuracy International L115A3

    O que é: O novo rifle Sniper do Exército Britânico

    Sniper Britânico

    Essa Sniper é o atual recordista mundial de tiro à longa-distância (longest-distance sniper kill).

    Um atirador de elite Britânico conseguiu acertar 2 Talibans e uma metralhadora há 2.475 metros de distância no Afeganistão em 2009 (ttp://en.wikipedia.org/wiki/Sniper#Longest_recorded_sniper_kills)

    Apache

    O que é: Ok, o Apache não é 100% Britânico, mas a invenção Americana foi aperfeiçoada e é fabricada no Reino Unido

    Helicóptero Apache

    Afundar 16 navios em 30 segundos – essa é a capacidade de destruição de um helicóptero Apache.

    Totalmente digital, o helicóptero têm uma série de câmeras, sensores e lasers de precisão que guiam morteiros, mísseis e foguetes diretamente ao alvo.

    O Príncipe Harry é piloto de Apache, treinado nos Estados Unidos e com 2 temporadas no Afeganistão.

    Challenger II

    O que é: O melhor tanque de guerra do mundo

    Tanque Challenger II

    Uma combinação perfeita de blindagem, potência e armamento ridiculamente preciso, o Challenger II está na área há algum tempo, e não é por menos.

    Desde o início de seu uso pelo Royal Army em 1998, nenhum Challenger II foi destruído por fogo inimigo.

    Em uma ocasião no Iraque, um Challenger II foi atingido por 70 granadas-foguete sem nenhum dano mais sério.

    F35B

    O que é: Um caça capaz de pairar no ar

    Caça F35B

    Outra parceria UK – USA, esse avião stealth é praticamente invisível para radares e infra-vermelhos, fazendo a tarefa de derrubá-lo com mísseis quase impossível.

    O F35B também pode decolar de navios porta-aviões de pequeno porte, como os que a Grã-Bretanha está construindo atualmente.

    Equipado com um arsenal completo de bombas, torpedos e mísseis, todos os controles são digitais, fazendo a tarefa de exterminar o inimigo ainda mais fácil.

Vehicles and equipment – British Army website http://www.army.mod.uk/equipment/equipment.aspx

Check Also

Ano Novo em Londres

New Year’s Eve – O Ano Novo na Inglaterra

Spread the loveQuando o Big Ben anuncia meia-noite, o céu de Londres se ilumina com ...

natal-Inglaterra

O Natal na Inglaterra

Spread the loveChristmas na Inglaterra comemora o nascimento de Jesus combinando vários elementos de festivais ...

10 comentários

  1. Felipe Lovato

    Discordo sobre o Challenger II, em 2006 um “piloto” perdeu o pé devido ao ataque de insurgentes usando um RPG’s-29. o Leopard II Alemão ainda é melhor, o próprio orgulho norte americano Abrams M1A2 usa um canhão L44 M256 do Leopard II

  2. Kelson Thomas

    Bem que você poderia fazer um “As 5 Armas Mais Poderosas do Exército Russo/Frances/Americano”

  3. Francisco AMX

    Vamos lá…

    O AH-64 Apache nunca foi aperfeiçoado por britânicos, a última versão (long Bow) idem, este é um heli genuinamente americano! e não é capaz de afundar nenhum “navio de guerra” (garantidamente) pois seus mísseis (helfire) são específicos para alvos terrestres, inicialmente era uma arma anti-tanque apenas, hoje é usado nos drones americanos sobre o Iraque e Afeganistão… além de, secretamente, Colombia e outros “lugares” na Africa… para se “afundar” um navio de guerra, precisa-se de torpedos ou mísseis de porte bem maior que um Helfire… como exemplo mais comum: Harpoon (americano) e Exocet (francês)… ou os torpedos MKs….

    O Challenger II também não é o MBT mais capaz, o Leopard II alemão é considerado por muitos especialistas como o melhor MBT já construído.

    O F-35B ainda não está operacional, e deve demorar… sua capacidade furtiva não é top se comparado ao irmão mais velho (F-22), e ele é bem detectável no espectro IR …

    Sds!

  4. Rogério Vianna

    É de se lamentar que se gasta milhões de dólares em armas e grande parte da população mundial ainda passa fome e desespero, a tecnologia não conseguiu aliviar a fome no planeta, infelizmente a ganância e a ignorância das Leis Divinas é causadora de tudo isto mas com certeza todos nós, todos um dia teremos que prestar contas de nossos atos ao Criador do Universo, um dia vamos deixar este corpo na sepultura, pode ser daqui a pouco, semana que vem, mês que vem ou outro ano qualquer e aí o bicho vai pegar por que seremos julgados por tudo aquilo que fazemos ou deixamos de fazer por nossos irmãos mais necessitados, não estamos aqui por acaso temos uma missão no planeta, vamos fazer o bem que é o melhor negócio…
    Namastê

  5. poxa preciso de um pouco de ajuda ainda não achei oque eu queria caramba ta foda……

  6. sou foda achei oque eu queria bom agora tenho que ir já esta na hora de partiu……..

  7. Luís Caculo

    os fortes sempre pensão na segurança.

  8. observaçao corporal em engenharia na cia onu …………………………

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *