Capa » Olimpíadas » Londres 2012: Os 6 Esportes mais bizarros que não fazem mais parte das Olimpíadas

Londres 2012: Os 6 Esportes mais bizarros que não fazem mais parte das Olimpíadas

Muito sangue, trapalhadas e sistemas de pontos bizarros dominavam os Jogos Olímpicos antigos. Conheça os esportes mais estranhos que com certeza não vão fazer parte das Olimpíadas de Londres em 2012.

1. Cabo de Guerra (1900, 1904, 1906, 1908, 1912, 1920)

Cabo de Guerra nas Olimpíadas de 1912

A Equipe de Cabo de Guerra da Grã-Bretanha conquistou uma medalha de ouro nos Jogos Olímpicos de 1908.

Três das cinco equipes eram Britânicas. Duas formadas por policiais e um grupo de operários de Liverpool.

O time Americano, chamados pelos Ingleses de “mastodontes galantes”, era formado pela Equipe de Levantamento de Peso. Eles decidiram abandonar a competição acusando os atletas de Liverpool de trapassa. Segundo os Americanos, as botas do uniforme dos operários davam vantagem para a Equipe Britânica.

Os operários de Liverpool também eliminaram os Suécos, mas acabaram perdendo na final para a Policia de Londres. Mais tarde os policiais desafiaram os Americanos a competirem descalços, o que os yankees negaram.

2. Mergulho à Distancia (1904)

Essencialmente um salto à distancia na piscina, ganhava quem chegasse mais longe dentro de 60 segundos ou antes de vir a tona para respirar. Nadar era proibido – uma vez na água, o competidor tinha que permanecer imóvel.

Em sua única edição nas Olimpíadas em 1904, William E. Dickey dos Estados Unidos levou o ouro depois de alcançar quase 20 metros, 1.5 metros a mais que o segundo colocado.

3. Natação com Obstáculos (1900)

Muitas foram as atrocidades aquáticas das primeiras Olimpíadas. O nado submerso de 1900 por exemplo, era decidido por um sistema complicado de 2 pontos para cada metro e 1 ponto cada segundo debaixo d’água.

Os 100 metros para marujos de 1896 era aberto somente para membros da Marinha Grega, fazendo dele o esporte com o menor nicho da historia dos Jogos Olímpicos.

Mas os 200 metros Nado Livre com Obstáculos das Olimpíadas de 1900 foi provavelmente o esporte mais ridículo. O trajeto da prova consistia em se equilibrar em tubos acima da superfície, desviar de obstáculos e mergulhar sob barcos, digno de programas como Takeshi’s Castle e as olimpíadas do Faustão.

4. Tiro ao Veado (1908, 1912, 1920, 1924, 1952, 1956)

Time de Ouro no tiro da Suécia em 1912
Os esportes de tiro de antigamente eram verdadeiros massacres.

Nos Jogos Olímpicos de Paris em 1900, o tiro ao alvo era pago e usava pombos de verdade. Cada competidor pagava 200 francos para concorrer ao prêmio de 2000 francos. A medalha de ouro e o dinheiro ficou com o Belga Leon de Lunden, que conseguiu matar 21 pássaros.

Alvos Móveis (1972-2004) é um esporte onde cada competidor tem 30 balas para acertar um alvo se movendo num espaço de 10 metros. No precursor desse esporte, o alvo era um veado.

Em 1924, a medalha de ouro ficou com o Britânico Philip Neame. Além da honra Olímpica, Neame também já havia sido condecorado pela Rainha com a Victoria Cross por sua habilidade de acertar pessoas na I Guerra Mundial.

5. Cavalos de Carga (1900)

As Olimpíadas de Paris de 1900 foram com certeza os jogos mais divertidos da historia. Depois do mergulho à distancia, o massacre dos pombos e a prova digna de canal aberto no domingo, as provas envolvendo cavalos foram um show à parte.

Pela primeira vez, o salto em distancia com cavalos entrou para as Olimpíadas. O vencedor foi o Belga Constant van Langhendonck, que saltou pouco mais de 6 metros com seu garanhão. Salto em altura com cavalos acabou em um empate entre França e Italia,

Outro esporte inédito, o Cavalo de Carga, é importante por ser a primeira vez que uma mulher competiu nas Olimpíadas. Quatro cavalos puxavam uma carroça de entrega passando por 4 pontos no circuito. A medalha de ouro ficou com o empresário Belga Georges Nagelmackers, o homem por trás do Expresso do Oriente.

6. Subida na Corda (1896, 1904, 1906, 1924, 1932)

Subida na corda em 1896

O aristocrata Launceston Elliot nasceu na Austrália, cresceu na Índia, passou a juventude na Inglaterra e se considerava Escocês.

Nas Olímpiadas de Atenas em 1896, Elliot se tornou o primeiro Britânico a competir e a ganhar medalhas nos Jogos Olímpicos.

Ele ficou em quarto lugar nos 100 metros rasos, o que não foi nenhum problema, porque ele estava lá para o Levantamento de Peso.

Elliot ganhou ouro no levantamento simples com 71 quilos e empatou em primeiro lugar com 111.5 quilos no Levantamento duplo, mas acabou ficando com a prata por ter movido os pés.

Ele também levou uma medalha de prata no tiro de pistola e bronze no tiro com rifle. Launceston Elliot acabou sua brilhante performance em quinto lugar na Subida na Corda, onde apenas 2 Gregos conseguiram chegar ao topo da plataforma de 46 metros.

Launceston Elliot

http://www.guardian.co.uk/sport/blog/2012/jul/06/joy-of-six-discontinued-olympic-sports

Check Also

O atleta Paraolímpico Oscar Pistorios

Paraolimpíadas de Londres: Confira o Calendário de todos os esportes

Do arco e flecha ao velejamento – Um calendário de todos os eventos dos Jogos ...

O Professor Stephen Hawking vai participar da Cerimônia de Abertura dos Jogos Paraolímpicos de Londres 2012

Stephen Hawking é estrela da Cerimônia de Abertura das Paraolimpíadas de Londres

O cientista Inglês Stephen Hawking vai ser o destaque da Abertura dos Jogos Paraolímpicos de ...


Fatal error: Uncaught Exception: 12: REST API is deprecated for versions v2.1 and higher (12) thrown in /home/content/37/8844237/html/wp-content/plugins/seo-facebook-comments/facebook/base_facebook.php on line 1273