Capa » Cultura Inglesa » Mother’s Day – O Dia das Mães na Inglaterra

Mother’s Day – O Dia das Mães na Inglaterra

Spread the love

Conheça as tradições Inglesas do Mothering Sunday, o Dia das Mães, celebrado no 4º domingo da Quaresma.

Uma tradição com origem no período em que o país esteve sob o domínio do Império Romano, o Dia das Mães na Inglaterra é celebrado em meados de Março.

A data coincide com o festival de Hilária, em honra da deusa Cibele, conhecida como Magna Mater, a “Grande Mãe”, comemorado em Roma na mesma época do equinócio de primavera, marcando o final do inverno e dias mais longos.

Com a conversão de Roma ao catolicismo, o quarto domingo da Quaresma passou a ser conhecido como Laetere Sunday, uma referência ao Latim “laetari” para “reunir-se” ou “alegrar-se”.

Na prática, a data significava que os cristãos do século XVI deveriam retornar à paróquia onde eles foram batizados, um ato conhecido como “a-mothering”. Não se sabe se o nome “mother’s day” veio desse termo ou foi assim chamado porque os fiéis aproveitavam para visitar suas mães além de sua paróquia de origem nesse dia.

A tradição se manteve com a conversão da Inglaterra para a igreja Anglicana, mas a relação religiosa se perdeu ao longo do tempo.

Mais tarde, esse era o dia em que os trabalhadores tipicamente recebiam uma folga para visitar parentes e familiares.

Hoje, filhos e netos visitam a matriarca da família nesse dia, trazendo flores, cartões e guloseimas.

Desde a era medieval, o quitute tradicional é o simnel cake, um rico bolo feito de frutas secas e amendoas decorado com 11 bolas de marzipan no topo, representando a reunião dos 11 os apóstolos de Cristo, exceto Judas.

A vantagem do bolo é que ele podia ser feito com bastante antecedência e sobreviver à longas viagens.

Como preparar o Simnel Cake do Dia das Mães:



Ingredientes:

Para a pasta de amêndoa:

250g de açúcar refinado
250g de amêndoas moídas
2 ovos batidos
1 colher de chá de essência de amêndoas

Para o bolo:

175g de manteiga ou margarina
175g de açúcar
3 ovos batidos
175g de farinha de trigo
Pitada de sal
350g de frutas passas (uvas, sultanas)
Raspas de ½ limão
1-2 colheres de sopa de geléia de damasco
1 ovo batido para pincelar

Modo de preparo:

Para a pasta, triture as amêndoas e misture com o açúcar em uma tigela. Adicione o ovo batido, misturando até obter uma pasta de consistência macia.
Adicione a essência de amêndoa e sove a massa por um minuto até adquirir um consistência suave e flexível.

Estique um terço da massa de amêndoa para obter um círculo 18 cm de diâmetro e reserve o restante para a cobertura do bolo.

Preaqueça o forno a 140C e unte uma forma de bolo de 18 cm.

Para o bolo, bata a manteiga e o açúcar até obter um creme.

Bata os ovos e adicione ao creme. Em seguida, peneire a farinha e o sal, um pouco de cada vez. Por último, acrescente as frutas secas e raspas de limão na mistura.

Coloque metade da mistura em uma forma untada de 18 cm de diametro. Alise a superfície e cubra com o círculo da massa de amêndoa. Adicione o resto da mistura do bolo e asse no forno pré-aquecido por 1 ¾ horas. Teste inserindo um palito no meio – se ele sair limpo, o bolo está pronto.

Depois de cozido, retire do forno e deixe esfriar.

Pincele o topo do bolo com a geléia de damasco. Divida o restante da pasta de amêndoa na metade: Um círculo para cobrir o topo do bolo e a outra metade para formar 11 e pequenas bolas para decorar.

Pincele o bolo com um pouco do ovo batido. Pré-aqueça o grill e coloque o bolo por 1-2 minutos, até que a parte superior do bolo começar a dourar.

Rendimento: 10 – 12 porções

Check Also

Business cat na sexta-feira 13

Superstições na Inglaterra: O que trás boa ou má sorte pros Ingleses?

Spread the loveConheça algumas superstições da cultura Inglesa e saiba o que atrai boa ou ...

sorry!

Sorry: Porque os Britânicos se desculpam tanto?

Spread the loveTrês quartos dos Britânicos pedem desculpas quando alguém esbarra neles na rua.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *