Capa » Cultura Inglesa » As Penas Mais Estranhas da Justiça Inglesa

As Penas Mais Estranhas da Justiça Inglesa

Não foi só de guilhotinas e fogueiras que se fez a história da lei na Inglaterra. Conheça as formas de punição mas estranhas já usadas pela Coroa Britânica.

  • Pillory

    Benjamin Keach no pelourinho
    Benjamin Keach no Pelourinho

    Uma das punições favoritas da justiça Inglesa desde a Invasão Normanda em 1066 era passar o dia no pelourinho, onde o povo poderia decidir a sua pena.

    Para crimes menores, os acusados geralmente levavam frutas e legumes podres na cara de completos desconhecidos. Outros criminosos mais perigosos acabavam apedrejados em praça pública.

    Gatos mortos eram particularmente populares entre os projéteis, o que acabou causando a cegueira de Anne Morrow, uma bígama que foi atingida no olho pelo cadáver de um bichano.

    Em 1756, quatro ladrões foram linchados pelos Londrinos em Newgate depois de serem condenados à passar o dia no pelourinho em Londres.

    The Pillory só foi abolido na Inglaterra em 1837.

  • Branding

    A prática de queimar a pele com metal quente é conhecida como ‘branding’
    A prática de queimar a pele com metal quente é conhecida como ‘branding’

    A conquista da Inglaterra pelo Normandia em 1066 também fez com que os Ingleses deixassem de lado o péssimo hábito de enforcar seus prisioneiros para uma punição bem menos severa: ser queimado na testa com um ferro de boi.

    Cada letra correspondia à um crime, e servia para prevenir o resto da população sobre o passado do indivíduo: Ladrões recebiam um “T” de Thief, pedintes eram marcados com um “V” de Vagabond e desordeiros recebiam um F de “Fray” queimados com brasa quente.

  • Whipping

    Um chicoteamento público do registro de malfeitores de 1745
    Um chicoteamento público retirado do registro de malfeitores de 1745

    Ser chicoteado em público como punição só foi abolido legalmente na Inglaterra em 1954.

    Os castigos variavam de juiz para juiz: Alguns preferiam que os condenados fossem amarrados em postes ou troncos, outros especificavam distâncias à serem percorridas enquanto as chicotadas eram executadas.

    Uma pena seria: Percorrer o trajeto entre Fleet Street e Temple Bar sendo chicoteado o suficiente para fazer com que as costas sejam cobertas de sangue – classy!

  • Down Under

    Condenados Ingleses rumo à Austrália
    Condenados Ingleses rumo à Austrália

    Entre 1760 e 1774, cerca de 70% Prisioneiros Ingleses foram condenados à cumprir suas penas em colônias Britânicas na Austrália para ocupar o país.

    No primeiro navio de prisioneiros estava John Hudson, um limpador de chaminés de 9 anos de idade, condenado à 7 anos na Austrália por roubar algumas peças de roupa.

    Na mesma embarcação estava Dorothy Handland, de 82 anos, que acabou se matando ao chegar no destino, sendo o primeiro suicídio registrado em território Australiano.

    O último carregamento de prisioneiros para a colônia foi em 1868.

Fonte: The Little Book of London – David Long

Check Also

IMG_3186-0.PNG

Mother’s Day – O Dia das Mães na Inglaterra

Conheça as tradições Inglesas do Mothering Sunday, o Dia das Mães, celebrado no 4º domingo ...

invenções Britânicas

10 Invenções Britânicas que Mudaram o Mundo

A Grã-Bretanha é berço dos maiores cientistas, matemáticos e inventores da história. Conheça a lista ...


Fatal error: Uncaught Exception: 12: REST API is deprecated for versions v2.1 and higher (12) thrown in /home/content/37/8844237/html/wp-content/plugins/seo-facebook-comments/facebook/base_facebook.php on line 1273